Zoonoses falha e grande quantidade de animais de todos os tamanhos circulam pelos bairros de Serra Talhada

A leitora Rosa Mourato denuncia que animais de grande e médio circulam livremente pelos bairros de Serra Talhada. As imagens publicadas nas redes sociais mostra vários cavalos soltos que podem provocar acidentes, por outro lado cães rasgam sacolas de lixo e latem para quem passa por perto, contribuindo para a sujeira da cidade, espalhando lixo e fezes.

O contraditório é que a Prefeitura passou a cobrar a taxa de lixo aprovada pelos vereadores. “Que nossos Vereadores entendam qual é a sua função”, questiona Rosa.

  

Recentemente postamos que gatos famintos invadiam a praça de alimentação da feira livre. RELEMBRE A NOTÍCIA AQUI

A coordenadora da Ong amigos 4 patas informou nas redes sociais que infelizmente as pessoas verem os soltos, não os recolhidos. “AMIGUINHOS nas ruas tem muitos.
Os cachorros a demanda é grande e a população a cada dia soltam mais.
Ainda trazem de fora pra soltar aqui, esta é uma triste realidade.
Temos muitos castrados , no abrigo e no hospital,  mais não temos espaço suficiente para uns 7000 , se é o que se estimula ter hj na cidade, eles rasgam lixo pq não tem comida, nem todos tem a sensibilidade de colocar ração e água nas portas..mais também entendemos isso.
Quanto aos cavalos em menos de um mês foram recolhidos  mais  de 100. Os donos vão lá no zoonoses,  pagam a multa , prendem por uns dias e soltam novamente.
É difícil trabalhar com essa galera.
Não trabalho no hospital nem pra prefeitura,  bem menos estou aqui pra defender ninguém.
São muitas as que lá estão. Na parte dos animais eu falo o que sei. Aos demais cabe a prefeitura ou a seus representantes”, disse.
Pegando o gancho, em relação aos cavalos existe uma departamento do município que vai a apreensão e cobra uma taxa para o proprietário que deseja obter de volta. Após o vencimento do prazo, o animal apreendido que não for resgatado por seu respectivo proprietário, será considerado abandonado, dando ao município total liberdade e posse sobre o bicho. Mas cadê a atuação do zoonoses?

Um Comentário

  • Sebastião Antonio de Moura

    e desse jeito mesmo se alguém tentar pegar um na hora aparece o dono mas se um dese causar um grave acidente quero ver se o dono chega junto …. ta bom né