Vários municípios do Sertão estão em situação de risco para dengue. Serra Talhada está na lista

O Ministério da Saúde divulgou os resultados do Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa). O estudo indica que 199 municípios brasileiros em situação de risco de surto de dengue, chikungunya e zika. Além do levantamento, também foram divulgados a campanha de combate ao mosquito, o balanço da dengue e chikungunya, além da investigação dos casos de microcefalia.

Em Pernambuco lidera a lista de situação de risco os municípios de Afogados da Ingazeira (4,1), Arcoverde (7,1), Betânia (8,4), Bom Conselho (5,5), Brejinho (4,9), Brejo da Madre de Deus (7,7), Calumbi (4,3), Camaragibe (6,6), Camocim de São Félix (4,3), Carnaubeira da Penha (4), Caruaru, (4,9), Casinhas (4,2), Condado (5,1), Feira Nova (11,4), Flores (8,9), Floresta (6,3), Garanhuns (7,5), Granito (4,5), Iati (7), Ibimirim (5,9), Iguaraci (4), Ingazeira (4,5), Itaquitinga (4,8), Jataúba (6,5), João Alfredo (17,9), Jucati (11,5), Lagoa do Carro (7,5), Limoeiro (6,7), Nazaré da Mata (6,9), Pedra (10,2), Pesqueira (5,5), Petrolândia (4,9), Salgadinho (6,7), Saloá (4,2), Santa Cruz (11,8), Santa Cruz da Baixa Verde (7,7), Santa Cruz do Capibaribe (9,3), São Bento do Una (8,9), São João (9,4), São Joaquim do Monte (6,3), São José do Egito (10,8), São Lourenço da Mata (4,7), Serra Talhada (5,9), Moreilândia (4,8), Surubim (11,9), Taquaritinga do Norte (5), Terezinha (12,1), Aliança (4,6), Araripina (10,4), Tracunhaém (4,6) e Tuparetama (10,9).

 

Durante a apresentação dos dados, o ministro da saúde, Marcelo Castro, informou que o Ministério da Saúde acompanha as novas iniciativas de combate à dengue e ao mosquito Aedes aegypti que estão sendo desenvolvidas no País. Citou, como exemplo, o uso de mosquito transgênico, que é infectado com bactéria, além das vacinas contra a dengue. “São iniciativas novas que devem ser estudadas antes de serem disponibilizadas à população. No momento, devemos atacar, de maneira efetiva, o mosquito da dengue. Não podemos perder o foco. Essa é uma luta em que, sozinhos, não seremos vitoriosos, portanto precisamos da participação de toda a sociedade brasileira”, reforçou o ministro.

O governador do Estado, Paulo Câmara esteve reunido ontem com a presidente Dilma Rousself (PT) para solicitar ajuda para combater a microcefalia. Em seguida haverá uma reunião do governador com os prefeitos pernambucanos.