Situação em Serra Talhada analisa com cuidado escolha da vice para não espantar neo aliados. Márcia Conrado surge como consenso mas não pode ser candidata

As discussões nos grupos de WhatsApp giram em torno da escolha da vice da chapa de reeleição do prefeito Luciano Duque (PT). “Acredito que seja a secretária de saúde Márcia Conrado, pois se não houver união com Sebastião Oliveira, com certeza o prefeito não vai querer desunir seus neo-aliados (Zé Raimundo, Faeca Melo, Marcio Oliveira e possivelmente Geni Pereira) e nisso o consenso seria Márcia Conrado vice pois é uma pessoa fácil de lidar e nao tem aparentemente ambição politica”, opinou um analista político.

Mas há um detalhe, Márcia não se desincompatibilizou do cargo de secretária de saúde no prazo determinado pela justiça eleitoral para poder ser candidata, então a opção seria Alice Conrado, que não ocupa cargo. Ambas na vice, abre espaço para Gilson/Geni serem eleitos tranquilamente e não racharia ou desuniria os possíveis pre-candidatos a vice de Luciano.

Ainda neste contexto, em entrevista a uma rádio local, Luciano Duque falou da possibilidade saída do ex prefeito Geni do Grupo PR; que não dívidas da candidatura de Dr. Fonseca pelo PR, mas deixou a indefinição quanto a escolha do nome do (a) vice para sua chapa.