Secretarias da Mulher e Cultura serão mesmo extintas pelo governo Duque em Serra Talhada

A secretaria da Mulher, comandada por Mônica Cabral e Cultura, capitaneada por Anildomá Wilians serão extintas ainda este mês pelo prefeito reeleito de Serra Talhada, Luciano Duque. Mônica chegou a teria negado categoricamente a extinção no rádio afirmando que o fim da pasta seria‘mera especulação’ porque a gestão Luciano Duque sempre esteve compromissada com as políticas públicas para as mulheres, no entanto, agora deve ocupar sair do primeiro escalão e ocupar uma função secundária em outra secretaria, provavelmente Assistência Social, ocupada por Josenildo André.

Já a Secretaria de Cultura será extinta em função do novo papel da Casa da Cultura, Anildomá já teria substituído Tarsísio Rodrigues. O equipamento deve ganhar e status de Fundação e passa a se chamar Fundação Cultural de Serra Talhada. Além de Domá, o prefeito criou três cargos comissionados com salários que variam entre R$ 7.500 e R$ 2.200 e nomeados pelo gestor.

Durante entrevista ao Farol de Notícias, por telefone, nessa terça-feira (10), o prefeito petista afirmou que está montando cada peça do secretariado que ainda falta ser anunciado, pensando em vencer os tempos de crise que tomou de conta da maioria das prefeituras brasileiras.

“Vamos transformar a Secretaria da Mulher em uma coordenadoria, mas os mesmos serviços irão permanecer. Por exemplo, o Centro de Referência e Atendimento a Mulher (CRAM) não será extinto. Ou seja, será mais trabalho com menos gente porque eu tenho que enxugar a máquina. Vivemos uma crise e o cenário é de incertezas”, justificou Duque.

Ainda segundo o prefeito, contrariando a onda de boatos; o secretário Edmar Júnior permanece como secretário de Educação e o desafio agora é conseguir um novo nome com um perfil forte para assumir a secretaria de Planejamento, no lugar do ex-secretário Marcondes Osório.

Nos bastidores, há comentários que o vereador Zé Raimundo foi convidado para assumir a secretaria de Esportes, mas estaria resistindo em assumir.