Receita Federal de Serra Talhada fica sem recepcionista prejudicando o atendimento ao público e sobrecarregando o vigilante

O processo de terceirização da mão de obra do trabalho já começou a prejudicar as pessoas em Serra Talhada. Na Receita Federal do município a recepcionista responsável pela triagem dos atendimentos foi dispensada e a mesa está vazia.

P11-02-16_10.50 P11-02-16_10.50[1]

Pior para o único vigilante, que além da função dele, tem que fazer o trabalho da ex funcionária com todas as pessoas que chegam ao local em busca de atendimento. Mesmo com o agendamento prévio o contrato é necessário para organizar o atendimento interno.

Dispensas já aconteceram também na justiça do trabalho, ao lado do Banco do Brasil, funcionários estão acumulando as funções de serviços gerais e até vigilante. Outros cargos federais cortados em Serra Talhada.