Candidato da oposição em Serra Talhada é entrevistado na TV Jornal e admite que não vai construir hospital

Victor Oliveira (PR) foi o último entrevistado da série de entrevistas da TV Jornal Caruaru com os candidatos a prefeitura de Serra Talhada. O administrador de empresas de 25 anos foi perguntado inicialmente se a política dele era diferente dos políticos mais experientes da cidade que o apóia, (o avô Inocêncio Oliveira, o ex prefeito Carlos Evandro e o primo Sebastião Oliveira), já que se intitula a renovação da política da cidade, o candidato admitiu que sim, disse que tinha uma política moderna com cabeça nova.

Questionado sobre o fato de ter passado muito tempo em São Paulo, longe de Serra Talhada, o jovem disse que “dois anos foram suficientes para conhecer os problemas da cidade” e citou um programa nas rádios que administra que oportunizou conhecer as comunidades, no entanto errou quando afirmou que o programa era apresentado na Rádio a Voz do Sertão “FM”, a emissora ainda era AM.

Também foi questionado se a proposta de criar as subprefeituras não era uma contradição, já que por outro lado promete enxugar a máquina pública. Mas garantiu que as subprefeituras serão formadas por líderes comunitários, vereadores, presidentes de associações, que não serão remunerados.

Escorregou quando perguntando se iria construção um hospital municipal, o herdeiro do hospital particular São Vicente disse que NÃO, que era uma promessa não cumprida do adversário mas prometeu que iria na verdade colocar para funcionar a Upa 24 horas e o Samu. Sobre o trânsito disse pretende elaborar um plano com a ajuda de técnicos de urbanismo. No quesito segurança formar parcerias para montar um sistema de videomonitoramento.

Na questão da educação foi indagado que no plano de governo dele não está prevista a construção de nenhuma creche, justificou que vai “melhorar as existentes” e aumentar o número “na medida do possível”. Assista ao vídeo: