Presidente do PR diz que prefeito de Serra Talhada vai deixar nova “herança maldita” para quem assumir em 2017

O Presidente do PR em m Serra Talhada, Allan Pereira, acusou o perfeito Luciano Duque (PT) de ter gestão sem responsabilidade fiscal, ou seja gasta mais do que arrecada. Durante entrevista a Rádio Cultura FM, o opositor disse que o déficit, com base nos dados do TCE, entre arrecadação e despesas, chega a R$ 50 milhões na gestão do prefeito petista.

Após a entrevista, Allan participou de debate intenso em um grupo de WhattsApp da cidade, o Serra On Line e reforçou as críticas. “Vejam a mesma relação de receita e despesa nos municípios de Salgueiro e Arcoverde. São cidades similares a Serra Talhada em tamanho e arrecadação”, disse.

Ao blogueiro Nill Jr acrescentou: “vejo isso como uma bolha que vai crescendo, pois a autorização das despesas são recentes”.  No debate, não faltou também quem lembrasse a chamada “Herança Maldita”, do ex-prefeito Carlos Evandro para o atual prefeito Duque, na defesa do petista. “Carlão deixou o governo com 84% de aprovação, mas as contas em situação muito difícil”, disse um dos debatedores.