Prefeitura de Flores efetua pagamento do bônus do PMAQ-AB a Profissionais de Saúde de Flores e realiza mutirão de limpeza na rua Pio XI e trecho de linha férrea

O PMAQ é um programa do Governo Federal existente desde 2011, e foi negligenciado pelo Poder Público municipal em 2011 e 2012, e que somente a partir de 2013 se deu o cadastro do município no Ministério da Saúde.

 

Os profissionais das USF’s de FÁTIMA, de SÍTIO DOS NUNES, do ALTO PEDRO DE SOUZA, e do SACO DO ROMÃO recebem hoje, sexta-feira (12), o bônus do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica pelas metas atingidas no atendimento à população nos quesitos: Saúde Bucal e Atenção Básica PMAQ-AB.

 

O valor, neste ano, foi de R$ 3.560,81 para cada profissional dos postos de saúde contemplados e foi, também, fruto do empenho da secretaria de Saúde em cadastrar o município no programa do Ministério da Saúde.
Ressalte-se que o PMAQ é um programa do Governo Federal existente desde 2011, e foi negligenciado pelo Poder Público municipal em 2011 e 2012, e que somente a partir de 2014 o município de Flores começou a ser contemplado com a bonificação, já que o requisito de cadastro, feito pela secretária de Saúde, Dr.ª Valéria Medeiros, foi realizado no primeiro ano do governo atual, em 2013.

PMAQ AB-2015

“Isso nos motiva a continuar neste caminho na gestão da saúde pública ofertada aos moradores de Flores e muito nos anima saber que temos bons e qualificados profissionais em nossos postos de saúde”, disse Dr.ª. Valéria.

 

O Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica PMAQ-AB, tem como objetivo incentivar os gestores e as equipes a melhorar a qualidade dos serviços de saúde oferecidos aos cidadãos.

 

As secretarias de Meio Ambiente e de Infraestrutura do município Flores, efetuaram, na  manhã desta sexta-feira (12),  mutirão de limpeza em trecho de linha férrea que corta a rua Pio XI e o bairro da Vila Nova, da cidade de Flores.

 

O local, estava comprometido quanto a limpeza, pelo fato de está sendo usado com depósito irregular de lixo e de entulhos e de acumular água parada, o que motivou a execução do Plano Emergencial de Controle do Mosquito Aedes Aegypti do município, in loco.

 

A Comissão de Combate ao Aedes Aegypti, criada pelo CMS – Conselho Municipal de Saúde de Flores/PE, solicita da população a colaboração constante em não mais jogar entulhos e lixo domestico no local.

 

“Quando todos colaboram, fica mais combater a febre chikungunya, o vírus Zika e a dengue”, disse Roberto Santana, secretário de Meio Ambiente.

Mutirão_PioXI_2 Mutirão_PioXI_5