Moradora de São Paulo quer localizar a mãe biológica em Afogados da Ingazeira

A leitora Gessiana entrou em contato pedindo a ajuda para encontrar sua mãe.

“Vou tentar contar um pouco da minha história, quem sabe alguém possa me ajudar: Nasci no dia 11/09/1977 na Maternidade de Afogados, a única coisa que sei é o primeiro nome de minha mãe (Graça) ela me entregou com 24 hrs de nascimento para minha mãe adotiva (Dora), que já faleceu, ela se conheceram através da minha irmã (Josefa) que estudava em um colégio onde minha mãe (Graça) fazia as refeições. Minha mãe adotiva (Dora) foi visitar a casa da minha mãe de sangue (Graça) e viu que ela já tinha uma outra filha, na época com 2 anos. Fui registrada somente um mês depois no cartório de Bizarra. Quando eu tinha 1 ano minha mãe de sangue (Graça) foi me pegar de volta, mas acabamos vindo para São Paulo. Nunca tive notícias dela e gostaria muito que compartilhem minha história para que minha mãe ou alguém que a conheça e saiba da nossa história possa nos ajudar a nos encontrar”, pede.