Mineradora deve ser instalada entre os municípios de Floresta e Carnaubeira da Penha

Os municípios de Floresta e Carnaubeira da Penha, no interior de Pernambuco, poderão ganhar uma empresa para exploração de minérios. De acordo com o blog do Elvis, o projeto é desenvolvido através da Mineração Floresta S/A, empresa subsidiária da Casa Forte Mineração. O objetivo é a exploração de depósitos de minério de ilmenita para produção de dióxido de titânio.

A ilmenita é um mineral encontrado em rochas, usado na produção de tintas de alta qualidade. O titânio é um mineral que apresenta elevada resistência à corrosão e por isso é utilizado na fabricação de vários equipamentos industriais.

A expectativa é que exista cerca de 54 milhões de toneladas de ilmenita no Riacho da Posse, no município de Floresta. Desse total, 13% seria de dióxido de tiânio, segundo um relatório divulgado essa semana.

Uma audiência pública está marcada para o dia 15 de dezembro no auditório João Ernesto. O espaço fica localizado na Rua Dom Bosco, S/N, no bairro Caetano 1, em Floresta. O evento será aberto ao público e pretende esclarecer as dúvidas e ouvir as opiniões da população sobre o assunto. A Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) é quem vai organizar o encontro.

De acordo com uma pesquisa feita com moradores e residentes, a implantação da Mineração Floresta é aprovada por 76,92% dos entrevistados. Apenas 23,08% (dos proprietários) são contra a implantação, pois acreditam que não serão remunerados justamente pelas terras, além de não quererem sair do local onde residem.

SOBRE A EMPRESA – A Casaforte Mineração (CFM), situada na Av. Eng. Antônio de Góes, 60, 3° Andar, Sala 304, Empresarial JCPM Trade Center, no Bairro de Brasília Teimosa, Recife, é uma empresa de desenvolvimento de projetos de mineração constituída no início de 2009 que atua na prospecção de áreas em busca de minerais metálicos e fertilizantes, investindo no desenvolvimento de pesquisa geológica e tecnologia de processamento.