Legenda reage ao nome do neófito Victor Oliveira para prefeito e deve aderir a Nena Magalhães

O anúncio do jovem Victor Oliveira como pré-candidato a prefeito pelo grupo do Partido da República (PR) gerou insatisfação e a primeira debandada. O Partido Popular Socialista (PPS), liderado pelo bancário Ênio Melo, pré-candidato a vereador, deve se afastar do ninho republicano e aderir a pré-candidatura do também oposicionista Nena Magalhães (PTB).

Em conversa com o FAROL DE NOTÍCIAS, Ênio Melo disse que os presidentes de partidos aliados não foram ouvidos pelo deputado Sebastião Oliveira.

“Fomos chamados com a expectativa de que seríamos ouvidos sobre o assunto. Estive presente ao ato de lançamento do nome de Victor, mas o que encontrei foi o anúncio marcado. Ninguém foi consultado sobre o assunto”, assegurou Melo.

Por conta disso, o socialista vai comparecer ao ato do PTB, neste sábado (18), com possibilidades de aderir a pré-candidatura de Nena Magalhães. “Isso pode acontecer, sim. Vou representar o PPS no evento de Nena, sem problemas”, finalizou.