IPA incentiva tecnologia para conservação de plantas forrageiras da caatinga

Visando a conservação de plantas forrageiras da caatinga para serem utilizadas na caprinovinocultura, o Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) promove curso técnico e um dia de campo para produtores rurais e alunos da universidade. No total, serão 25 participantes. Os eventos acontecem no Centro de Treinamento/Fazenda Cachoeira do IPA, em Sertânia, dessa terça-feira (20/10) até a quinta-feira (22/10).

 

Nos dois primeiros dias serão abordados os seguintes temas: Plantas nativas/caatinga e técnicas de manejo da caatinga; A palma forrageira e melhoramento de rebanhos caprinos e ovinos; prática de reconhecimento e colheita de plantas da caatinga: fenação; Capim buffel e Capim-urochloa; Conservação de forragem: ensilagem e fenação; Semiárido e sorgo. As palestras serão feitas pelos funcionários do IPA Vanda Arcanjo, Valderedes Martins; Djalma Santos, Júlio Oliveira, Orlando Bezerra, Erinaldo Viana, Maria da Conceição, Tabosa, Jorge Tavares e Fernando Lucas Mesquita.

 

Com o tema “Difusão Tecnológica da Caprinovinocultura, com ênfase em conservação de plantas forrageiras e da caatinga, no estado de Pernambuco”, o Dia de Campo será realizado na quinta-feira (22/10), das 7h ao meio dia, na Estação Experimental de Sertânia (Fazenda Cachoeira/IPA). Na ocasião, os participantes conhecerão quatro estações de manejo: fenação, ensilagem, manejo de caprinos e palma forrageira.

 

Por fim, o pesquisador do IPA, Jorge Tavares, ministrará a palestra “Histórias das Secas no Nordeste do Brasil”. Os eventos são realizados por meio do Projeto CNPq/IPA (406217/2013-0), Chamada 90/2013 – Faixa B, coordenado pela pesquisadora do IPA, Vanda Arcanjo. O curso é coordenado pelo pesquisador, Fernando Lucas Mesquita.