IF Sertão-PE realiza seleção simplificada para contratar professores substitutos. Tem vagas para Serra Talhada e Salgueiro

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE) abriu inscrições, na última quarta-feira (27), para processo seletivo simplificado de Professor Substituto. São 13 vagas disponíveis em diversas áreas, para atuação nos campi Serra Talhada,Petrolina, Petrolina Zona Rural, Ouricuri, Salgueiro, Santa Maria, com regime de 40 horas semanais. A remuneração é de R$ 2.814,01 (para candidatos com graduação) e R$ 3.184,73 (para os que possuem especialização).

As inscrições serão realizadas até o dia 12 de maio. Os candidatos interessados deverão acessar o edital nº 17/2016 no site do Instituto ou no Diário Oficial da União, preencher a ficha de inscrição no endereço eletrônico http://concurso.ifsertao-pe.edu.br/copese/, confirmando as informações referentes aos dados pessoais, opção de vaga, campus; e imprimir o boleto bancário para o pagamento da taxa de inscrição (R$ 60). Em seguida, deverão entregar a ficha de inscrição e o boleto pago no setor de Gestão de Pessoas dos respectivos campi da vaga de interesse. No campus Petrolina Zona Rural, até o dia seis de maio, o atendimento será realizado apenas até às 13h30. Posteriormente, no horário informado no edital.

O candidato terá até o dia três de maio para solicitar a isenção da taxa de inscrição no site e encaminhar a documentação comprobatória, podendo ser enviada pelos Correios. O processo seletivo constará das modalidades de Provas de Desempenho Didático (de caráter eliminatório) e da avaliação dos Títulos (de caráter classificatório). Ambas serão realizadas exclusivamente no campus de origem das vagas. De acordo com o edital, as provas de Desempenho Didático deverão ser realizadas nos dias 17 e 18 de maio. Outras informações, como cronograma, documentação necessária, procedimentos de contratação, conteúdos programáticos e outros itens podem ser encontradas no edital.

Clique aqui para acessar o edital nº 17/2016.