Homem se passa por funcionário de circo para vender ingressos em Serra Talhada. Detalhe: não havia circo

Um Circense foi acusado de estelionato na Av. Luiz Cosme de Magalhães, São Cristóvão, Serra Talhada-PE, na tarde dessa sexta-feira (15).

 

De acordo com a polícia, o Edson Antônio de Paula, 39 anos, circense estava aplicando golpes, se passando por funcionário do Circo Palhaço Cheirosinho e vendendo ingressos. O Paulo Fernando de Souza, 59 anos, administrador, residente no bairro AABB, informou que havia sido lesado pelo acusado ao comprar o ingresso no valor de R$ 30,00, pois o mesmo disse-lhe que o referido Circo estava montado nesta cidade e não era verdade.

 

Diante do exposto, Policiais Militares da Polígono de Varzinha conduziram os envolvidos à DPC de Serra Talhada-PE para as providências julgadas cabíveis.