Historiador Anildomá Wilians diz que tese de homossexualidade de Lampião é “idiotice”

O autor de “Lampião nem herói nem bandido”, Anildomá Willians questionou duramente a polêmica gerada pela publicação  ‘Lampião – O mata sete’ , do juiz aposentado sergipano Pedro de Morais. O recurso movido por Expedita Ferreira Nunes, filha de Lampião, junto ao STF, foi negado pelo ministro Luiz Fux, na semana passada, para que houvesse a autorização do livro.

Em conversa com Nill Jr., na Rádio Pajeú, Secretário de Cultura de Serra Talhada, afirmou que a tese levantada pelo autor é de uma suposta relação entre o cangaceiro Luiz Pedro e Virgulino. “Ele chega a sugerir essa relação e diz que Lampião teria arrumado Maria Bonita e que Luiz seria o homem dela e dele. Mas não há base alguma”. Assista: