GRE do Alto Pajeú desmente Prefeitura de São José do Egito e afirma em nota que não emitiu nenhum ofício solicitando o corte da energia da Academia das Cidades

Confira a nota enviada pela gestora Cecília Maria Peçanha Esteves Patriota:

“Com a finalidade de esclarecer notícias veiculadas na mídia, responsabilizando a Gerência Regional de Educação do Sertão do Alto Pajeú de solicitar o corte de energia da Academia das Cidades de São José do Egito, temos obrigação de trazer a verdade dos fatos e exigir que sejam feitas as retratações necessárias:

 

  • A Gerência Regional de Educação não emitiu nenhum ofício solicitando o corte da energia. Não tínhamos nenhum conhecimento do fato e nem controlamos o pagamento de contas, rotina feita pelo órgão central da Secretaria de Educação, em Recife.

 

  • De acordo com a cópia da conta em anexo, pode-se identificar que a fatura está em nome da Secretaria de Educação e com o nome da Unidade (CSU São José), bem como o endereço. Não há na fatura, nenhuma menção ao fato de na unidade funcionar algo do Município de São José do Egito;

celpe

  • A Gerência Administrativa da Rede Escolar, setor da Secretaria de Educação, por procedimento, enviou Ofício à CELPE, solicitando exclusão de  conta contrato que não seja de sua responsabilidade, como foi o caso da conta contrato 0929460014, não solicita o desligamento. ( Ofício em anexo).

 

  • O desligamento da energia é um procedimento da CELPE, onde a Secretaria de Educação não tem nenhuma interferência. Apenas foi informado, pela Secretaria de Educação,  através de ofício, que a conta não é mais de responsabilidade daquele Órgão;

 

oficio

  • Caso a Secretaria de Educação tivesse alguma informação de que no local funciona algo da Prefeitura, certamente entraria em contato, a fim de resolver da melhor forma possível. Porém, não tinha ideia do que funcionava no local, como também a prefeitura nunca havia se preocupado com relação à conta de energia de sua Academia das Cidades, já que esse espaço pertence à prefeitura, doado há muitos anos pelo estado.

 

  • Informo que em nenhum momento foi intenção da Secretaria de Educação causar algum tipo de transtorno a Prefeitura de São José do Egito, mas é importante e justo que a população entenda e conheça a verdade sobre os fatos e que não se responsabilize, de forma inconsequente, a Gerência Regional,  que não tem nenhuma culpa pelo problema ocorrido.

 

Atenciosamente,

 

Cecília Maria Peçanha Esteves Patriota

Gerente Regional de Educação

GRE do Sertão do Alto Pajeú
Afogados da Ingazeira