Governo do estado deve R$ 12 milhões em repasses para manter as UPAE’s em Pernambuco e funcionários são proibidos de fazer greve

Funcionários da UPAE de Caruaru estão em greve / Foto: reprodução/TV JornalDe acordo com o diretor administrativo da pela Fundação Altino Ventura (FAV), que administra a Unidade Pernambucana de Atenção Especializada (UPAE) no estado, já são nove meses de atrasos de repasses do Governo Paulo Câmara para pagamento de funcionários e fornecedores, o que acarretou em dois meses de salários atrasados. Ainda não há uma data definida de quando vai sair esse repasse atrasado.

Em Caruaru, os 192 profissionais cruzaram os braços na tarde de terça (02), mas nesta quarta-feira (3). Por causa da paralisação, muitos pacientes que inclusive estavam com cirurgias marcadas estão tendo que retornar para casa. Mas médicos, enfermeiros, recepcionistas e serviços gerais foram obrigados a retornarem ao trabalho após serem ameaçados de sofrerem advertência. Confira na nossa reportagem para a TV Jornal:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *