Estudo confirma substância cancerígena  nas águas do manancial de Serrinha em ST

Pajeú da Gente

Pajeú da Gente

O secretário de Agricultura de Serra Talhada, José Pereira, disse que os estudos de técnicos ligados a UAST foram concluídos e confirmaram a existência de substâncias cancerígena  nas águas do manancial de Serrinha.

“Estamos preocupados com a situação e já proibimos a retirada de água do local. Os carros pipa devem retirar a água de um poço artesiano em Caiçarinha. Esperar que chova para reverter a situação”, disse.

Atualmente mais de 100 pipas pegam água para cidades como Triunfo, Santa Cruz, Flores, Calumbí, entre outras.

Em Serra Talhada, a Secretará de Agricultura mobilizou todos os agricultores do município para não descartar irregularmente as embalagens de defensivos agrícolas. O compromisso é de recolher as embalagens em cada comunidade, evitando desta forma o descarte incorreto e contaminação do o meio ambiente.

 

No dia 16 de novembro passado, a Secretaria esteve reunida com a ACAVASF (Associação do Comércio Agropecuário do Vale do São Francisco) parceira que participará diretamente do recolhimento e também com ADAGRO, SINTRAF, STR entre outras entidades, que buscam juntas solução para o problema.