Em Serra Talhada, ex presidiário é assassinado a tiros próximo a PE- 365 e homem é morto durante confusão generalizada na Zona Rural

Um homem conhecido por vulgo “Bruno do Queijo” foi assassinado próximo ao Gomes Parck, na PE- 365, em Serra Talhada, por volta das 21h50 desse domingo (21).

Bruno-do-Queijo-1-349x465

Policiais Militares do 14º BPM foram verificar o fato e no deslocamento, nas proximidades do peladão foram chamados na via pela testemunha namorada da vitima que informou o fato e seguiu com o efetivo até o local do crime.

 

A testemunha relatou que uma strada ou saveiro prata de vidros escuros estavam fazendo voltas no local e parou. A vítima, Bruno Leonardo da Silva, 33 anos, proprietário do Bar do Touro/Cohab, ao se aproximar do veiculo citado para saber do que se tratava  foi alvejado pelos disparos. A policia civil foi acionada para serem tomadas as medidas cabíveis.

“Bruno do Queijo”, era suspeito de tráfico de drogas e tem passagem pela DPC por porte ilegal de arma, quando foi preso com um revolver cal. 32, na noite de natal de 2015.

O segundo homicídio ocorreu no Sítio Prazeres, na Zona Rural de Serra Talhada. Policiais Militares do 14º BPM foram acionados e testemunhas informaram que há três meses atrás, Marcos Inácio de Oliveira, 43 anos, residente em Petrolina, havia se desentendido com os envolvidos na cidade de Petrolina, onde estavam trabalhando.

 

Segundo os familiares,  a vítima Marcos Inácio ao tomar conhecimento que seu outro irmão estava de viagem marcada para São Paulo no dia 21/02/2016, veio de Petrolina para  a casa do pai, Francisco Inácio de Oliveira, no Sítio Prazeres, para se despedir do irmão, mas por volta das 21:30, desse domingo (21), os autores do crime, Roniclaudio e Romero chegaram na residência onde encontrava-se a vítima, Marcos Inácio, momento que entraram em vias de fato, Roniclaudio e Romero, ambos armados de revolver efetuaram vários disparos na vítima, que de imediato os demais familiares, Josefa Luiz de Assis e Maciel Inácio que estavam próximo da vítima tentaram socorrê-lo, sendo também atingidos pelos disparos, ambos foram socorridos para o Hospital, onde Marcos faleceu no local.

Já os acusados de praticarem o delito evadiram-se do local com destino ignorado. O policiamento isolou o local do fato até a chegada da policia Civil onde foi passada a ocorrência. Detalhe: envolvidos Marcos, Josefa e Francisco são irmãos e o envolvido Roniclaudio e Romero são sobrinhos da vítima.