Diretor de Hospital Regional para onde vão pacientes do Sertão denuncia que governo do estado cortou verba e deixou unidade no caos

O diretor do Hospital Regional de Caruaru, José Bezerra, afirma que governo do Estado reduziu inclusive a verba destinada para abastecer o carro da diretoria e pagar plantões extras na unidade, o que gerou muitas demissões de terceirizados. Segundo o gestor, o valor repassado era de R$ 1.400 e agora é de R$ 500. No local, e pacientes e acompanhantes, muitos transferidos de cidades do Sertão, dormem no chão do corredor da unidade.

Sem saber que estava sendo gravado, Bezerra afirmou ainda que a contenção de despesas é decisão de governo e que a situação não se restringe ao HRA, está acontecendo em todo Estado. Ele é categórico: “Se não der, fecha!”. Confira a reportagem da Rádio/TV Jornal: