CRAM de Serra Talhada sedia encontro para discutir sobre a inclusão da notificação compulsória

DSC_0679-e1444242349732

A equipe da Secretaria Municipal de Saúde e o Centro de Referência de Atendimento à Mulher – CRAM, realizaram nessa quarta-feira (07), o encontro mensal dos Centros de Referência de Serra Talhada, Granito e Petrolina, para tratar das Políticas Públicas para as Mulheres.

Na oportunidade, a representante da Secretaria Estadual da Mulher, Rejane Neiva, promoveu uma palestra sobre a Inclusão da Notificação Compulsória, que segundo a Secretária da Mulher, Mônica Cabral, “anteriormente só podia ser feito pela Secretaria Estadual, mas que hoje já pode ser realizado pelo CRAM.

“Esse é um avanço muito positivo dentro da luta à violência contra a mulher. E a transversalidade dos serviços tem favorecido bastante as mulheres vítimas de violência”, aponta Mônica.

Durante sua participação no encontro, o prefeito Luciano Duque falou sobre a importância em se trabalhar com toda a família, não só a mulher, para que os resultados sejam mais satisfatórios.

“Hoje trabalhamos muito fortes no efeito, mas é necessário buscar e se preocupar com as causas, principalmente no sentido de prevenir. É importante trabalhar junto às associações e comunidades de modo geral, a fim de que alcancemos também os homens, os filhos e dessa forma trabalhar a violência em toda a família”, pontua o prefeito.