Contas de ex prefeito dominam debate na Câmara de Serra Talhada e maioria dos vereadores se mostram favoráveis a aprovação

Confira o resumo da sessão dessa semana feito pelo historiador Luiz Ferraz Filho: O primeiro a usar a tribuna foi o vereador Dedinha Inácio (PR), que falou sobre as contas do ex-prefeito Carlos Evandro e disse ter orgulho de ter colaborado com o governo, pois foi nele que foi criada a Casa da Cidadania. Ainda leu a biografia de dona Cilinha,  moradora do Borborema, que foi entrevistada e será tema de uma reportagem da TV RECORD.

O segundo a discursar foi o vereador José Raimundo (PTC), que iniciou falando sobre a questão da votação das contas do ex-prefeito Carlos Evandro. Ele explicou que regimentalmente as contas enviadas pelo TCE deviam ter o prazo necessário para defesa e analise para não haver no futuro outro pedido de revisão. Falou sobre o caso da rejeição das contas da Comissão da Festa de Setembro de 2007 onde existe entre os envolvidos membros do governo atual e oposição. Ele foi aparteado pelo vereador Marcio Oliveira (PSD) que leu o conteúdo do adiamento preposto por 4 vereadores onde realmente há consonância com o regimento da casa.
O terceiro a usar a tribuna foi o vereador Sinèzio Rodrigues (PT) que pediu a membros da casa que escutem a população e acompanhem o parecer técnico do TCE, e garantiu que será coerente hoje e sempre.

O quarto a usar a tribuna foi a vereadora Vera Gama (PR) que justificou sua ausência na semana passada e em seguida leu um conteúdo escrito pelo vereador Gilson Pereira (PROS), ausente semana passada devido problemas de saúde, onde ele relata erros técnicos na antiga recomendação do TCE. Depois ela falou sobre o critério assistencialista ao qual os vereadores são sujeitos a usar para sobreviver politicamente, onde foi aparteada pelo vereador Leirson Magalhaes (PSB) que justificou sua ausência e explicou que a maioria do parecer do TCE é politico e não técnico. Concluiu Vera Gama dizendo que o ex-prefeito Carlos Evandro fez uma ótima administração e hoje boa parte de quem critica estava aliada a ele. Neste momento o vereador Dedinha Inácio (PR) fez um aparte e afirmou que votara sim a favor do ex-prefeito e se no futuro houver contas rejeitadas do atual prefeito também votará a favor, porque tudo que fizeram foi em beneficio do povo.
O quinto e ultimo a usar a tribuna foi Pinheiro de São Miguel (PTB) que afirmou que a maioria das recomendações do TCE é de caráter politico,  ficando ele no aguardo de escutar a defesa do ex-prefeito. No final fez um convite para uma Audiência Publica a respeito da PEC 241/55 (Limite de Gastos) para a próxima quinta-feira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *