Comerciante é preso com R$ 21,3 mil em notas falsas e 35 kg de maconha em ônibus no Sertão

Um comerciante foi preso com R$ 21.300 em notas falsas e 34,8 quilos de maconha no município de Serrita, no Sertão de Pernambuco. De acordo com a Polícia Federal, Joseph Thomas de Sousa, 28 anos, saiu de Salgueiro com destino a Moreilândia, também no Sertão, em um ônibus. A Polícia Militar interceptou o coletivo na PE-507 e localizou, dentro de duas malas e duas caixas de isopor, a droga e 213 notas falsas de R$ 100.

Os policiais solicitaram os quatro tickets das bagagens e chegaram à conclusão que a maconha e as notas falsas pertenciam ao passageiro. A PM apreendeu ainda um aparelho celular. O comerciante foi preso em flagrante e levado para a Delegacia de Polícia Federal em Salgueiro. Ele foi autuado em flagrante por adquirir ou guardar moeda falsa e tráfico de entorpecentes. Caso seja condenado, poderá pegar penas que variam de cinco a 25 anos de reclusão, além de multa.

Comerciante estava com 213 notas falsas de R$ 100

Em interrogatório à PF, o comerciante informou que falaria apenas na presença do juiz, e não deu detalhes sobre o crime. Joseph Thomas foi encaminhado para audiência de custódia, onde foi confirmada a prisão preventiva dele. O preso foi conduzido à Cadeia Pública de Salgueiro, e ficará à disposição da Justiça Estadual. A prisão aconteceu na última terça-feira (12) e foi divulgada nesta quinta (14) pela Polícia Federal.

Números

De acordo com a Polícia Federal, em 2017 houve cinco apreensões significativas envolvendo notas falsas, que totalizaram R$ 49,9 mil, com sete pessoas presas. No ano passado, foram duas apreensões significativas, que totalizaram
R$ 11,6 mil, com dois presos.