Chapa Victor Oliveira/Marquinhos Dantas é denunciada por propaganda eleitoral antecipada em Serra Talhada

Vários panfletos com imagens de Victor Oliveira e Marquinhos Dantas, pré-candidatos a prefeito e vice em Serra Talhada, respectivamente, foram entregues por criança no bairro Ipsep, fora do prazo legal para o início oficial da propaganda eleitoral.

O Juiz da 71ª Zona Eleitoral de Serra Talhada, Marcus César Gadelha recebeu a denúncia e determinou a suspensão da divulgação e entrega de qualquer material de propaganda, fora do período eleitoral que não seja no recinto intrapartidário. O descumprimento da decisão renderá multa diária de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) ao Partido da República (PR) e Solidariedade (SD).

O Juiz ainda requisitou, a instauração de inquérito na Polícia Federal para apurar a ventilada utilização de trabalho infantil em veiculação de propaganda eleitoral irregular, por qualquer coligação, partido ou candidato nas presentes Eleições Municipais, remetendo-se cópia integral dos presentes autos à Polícia Federal.

Não foi a primeira vez que a coligação fez campanha antecipada, segundo o blog de Junior Campos, a junção do “Arraial do Sebá” com o “Festival da Juventude”, que aconteceu nesta quarta-feira (29), no Parque de Exposição de Animais de Serra Talhada, com recursos da Empetur; com o show de Edson & Hudson”; foi um prato cheio para turbinar a pré-campanha do Victor Oliveira, que amarga 7% das intenções de voto – segundo o Instituto Múltipla.

Nas laterais da estrutura por onde passaram os artistas, a imagem do ex-deputado Inocêncio Oliveira e Sebastião Oliveira ao lado de Victor Oliveira, eram projetadas para o público que foram prestigiar o evento; que na visão do prefeito Luciano Duque (PT), “há indícios de crime eleitoral”.