Acusados da morte de Ângelo Luckwu próximo ao viaduto de Serra Talhada são presos em Floresta

O serratalhadense foragido da justiça, Wanderson Marcelo Cardoso de Souza, foi preso na noite deste sábado (30), por Policiais Militares da 1ªCIPM, lotados na cidade de Floresta, que visualizar um veículo Hillux, placa PFK- 9174, em atitude suspeita, próximo a uma “boca de fumo”, ao abordar o referido veículo, foi localizado uma munição de arma calibre 9mm (uso restrito).

Os quatro ocupantes do veículo foram identificados como: Eguimario Lopes de Barros, vulgo “Gui”, Agripino Lopes Sobrinho, vulgo “Pino”, Jorge Luiz de Souza Sobrinho, vulgo “Potó”, além da pessoa que se identificou como Marcelo Rodrigues dos Santos.

Ângelo Luckwu

Segundo o portal Nayn Netto, os envolvidos foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil de Floresta, onde foi constatado que o Marcelo Rodrigues dos Santos, tratava-se, na verdade, de  Wanderson Marcelo Cardoso de Souza, vulgo “Marcelo China”, acusado de participação no assassinato de Ângelo Henrique Godofredo V. Luckwu, ocorrido n cidade de Serra Talhada-PE, no dia 13 de maio do corrente ano, o qual foi delatado pelo comparsa José Wesley Batista Santana. “Marcelo China” teria sido o piloto da moto.

Contra “China”, já havia uma Mandado de Prisão em aberto, expedido pela comarca da Capital do Xaxado, acusando o mesmo da participação do referido crime.  O foragido relatou ao policiamento que estava homiziado na cidade de Floresta, havia 15 dias.

Diante dos fatos foi realizada a prisão em flagrante dos envolvidos pelos crimes previstos nos Art. 16 da Lei 10.826/2003 e Art. 288 do CPB, sendo os 04 recolhidos à Cadeia Pública de Belém de São Francisco.